Archive for the Filmes Category

The Runaways, as garotas que sabem fazer rock

Posted in Bandas, Filmes with tags , , , , , , , , , on August 23, 2011 by gabrielpalmaguitar

Acabei de ver o filme The Runaways – As Garotas do Rock. Não conhecia a história e as músicas dessa banda, apenas a carreira de algumas das suas integrantes: Joan Jett e Lita Ford. E descobri algo. Tanto o filme quanto a história são legais. O filme, ao explorar o início da vida adolescente das meninas, é regado a muito glam rock, que eu aprecio.

Cherie Currie, que viria a ser a vocalista do The Runaways, era fã de David Bowie. Quando Currie canta Lady Grinning Soul, de Bowie, no talent show de seu colégio, os alunos jogam coisas nela. Essa cena me lembrou a cena do baile do filme Carrie, a estranha, em que um balde com sangue de porco cai em cima de Carrie.

The Runaways

A ideia de The Runaways era ter uma banda de rock apenas de garotas. E para fazer sucesso nos Estados Unidos dos anos 70, as meninas precisariam de atitude. Com isso em mente, o produtor Kim Fowley, muito bem interpretado pelo ator Michael Shannon, ajudou as meninas, no total cinco, a formarem uma banda.

Fowley foi duro com elas. Deu tratamento de vietcongs. Em treino de palco, chamou meninos para jogarem objetos nelas. Também explicou para as meninas que o rock ‘n’ roll é sujo, agressivo e violento. “Você tem que pensar com o seu pau”, ordenou. E foi isso que ele conseguiu. Timidez vencida, a vocalista Currie cantou Cherry Bomb, uma ótima música, em estilo punk.

Cherie Currie

No filme, Currie mostra-se um personagem rico e polêmico. Desde seus problemas com sua família, a relação com a irmã, o pai alcoólatra, a mãe que deixa as filhas para ir morar na Indonésia, até o seu envolvimento com as drogas e com a fama, que a leva a tirar fotos sensuais que desagradam as colegas da banda. “Temos que fazer publicidade da música e não da genitália”, gritou a guitarrista Joan Jett.

Os três personagens principais do filme são esses: Joan Jett, Cherie Currie e Kim Fowley, empresário nada honesto, mas que conseguiu um contrato da Mercury para as meninas.

Baseado nas memórias de Currie, do seu livro Neon Angel: A Memoir Of A Runaway, o filme foca na relação de Currie com Joan Jett, que sempre a apoiou.

O filme tem uma linguagem de vídeo clipe com sexo, drogas e rock ‘n’ roll. Só me deixou com uma pergunta na cabeça: Quando eles vão fazer o filme do Mötley Crüe?

Trilha sonora

A trilha sonora do filme é muito boa. Pretty Vacant, dos Sex Pistols, Now I Wanna Be Your Dog, do The Stooges, para citar algumas. É uma pena que a trilha sonora tenha só 14 das 34 músicas do filme.

Eu gostei da música Fujiyama Mama, que eu não conhecia, da lenda de rock-a-billy e country Wanda Jackson. Achei interessante a letra que fala de Hiroshima e Nagasaki.

Saldo

Vejam o filme. Ele é muito bom!