Archive for led zeppelin

Dream Theater toca em Brasília

Posted in Ao vivo, Bandas, Eventos, Noites em Brasília, Notícias with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on October 6, 2014 by gabrielpalmaguitar

DreamTheater_Evento_Site_600px
Amanhã (7) a banda norte-americana de metal progressivo Dream Theater toca pela segunda vez em Brasília (a primeira foi em 1º de setembro de 2012, há pouco mais de dois anos atrás, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães). Os músicos, que estudaram na Faculdade Berklee de Música, de Boston, Massachusetts, a maior faculdade independente de música do mundo, tocam desta vez no Net Live Brasília.

A banda, que conta com John Petrucci, na guitarra, John Myung, no baixo, James LaBrie, nos vocais, Jordan Rudess, nos teclados, e desde 2011 Mike Mangini, na bateria, que substituiu o membro original Mike Portnoy, mostra a turnê Along For The Ride Tour. O objetivo é divulgar o novo álbum, auto intitulado, que foi lançado em setembro de 2013. Não há dúvida que são exímios músicos!

Os parceiro de turnês do grupo incluem Porcupine Tree, Symphony X, Between The Buried And Me, Deep Purple, Emerson, Lake & Palmer, Iron Maiden, The Dixie Dregs, Joe Satriani, King’s X, Marillion, Megadeth, Trivium, In Flames, Pain of Salvation, Opeth, Queensrÿche, Riverside, Spock’s Beard, Fear Factory, Enchant, 3, Yes and Zappa Plays Zappa.

Dream Theater também já fez tributos a vários artistas como Elton John, Deep Purple, Led Zeppelin, Pink Floyd, Kansas, Queen, Journey, Dixie Dregs, e Genesis, chegando a regravar na íntegra Master of Puppets, do Metallica, The Number of the Beast, do Iron Maiden, The Dark Side of the Moon, do Pink Floyd, e Made in Japan, do Deep Purple. Se você assistiu ao show do Joe Satriani na semana passada, não tem como você perder este!

Datas na América Latina:

24.09 – Santiago, Chile – Movistar Arena
26.09 – Buenos Aires, Argentina – Mandarine Park
30.09 – Porto Alegre, Brasil – Pepsi On Stage
02.10 – Curitiba, Brasil – Master Hall
04.10 – São Paulo, Brasil – Espaço das Américas
05.10 – Rio de Janeiro, Brasil – Vivo Rio
07.10 – Brasilia, Brasil – NET Live Brasilia
10.10 – Recife, Brasil – Chevrolet Hall
11.10 – Fortaleza, Brasil – Centro de Eventos do Ceará

Serviço:

Data, Local e Horário:
Data:
7 de outubro de 2014 – 21h. Portões abrem às 19h
Local: NET LIVE BRASÍLIA (SHTN Tr. 2, Conj. 5, Bloco A, Parte A – Próx ao Bay Park).
Classificação indicativa: 16 anos.

Valores do Ingressos (Lote 1):
Camarote: R$250,00 (meia/promo).
Pista Premium: R$150,00 (meia/promo).
Pista: R$100,00 (meia/promo)

Vendas On-Line e Call Center:
Ingressorapido.com.br ou 4003-1212 (sujeitos à taxa de conveniência)
(segunda a sábado, das 9h às 21h)

Pontos de Venda:
Central de Ingressos do Brasília Shopping (Piso G2)
(segunda a sábado, das 10h às 22h, domingo e feriados, das 14h às 20h)

*Valor Promocional:

Clientes NET: apresentar, junto com o documento de identidade, a última fatura paga do mês vigente ou anterior.
Clientes Claro: apresentar, junto com o documento de identidade, a última fatura paga do mês vigente ou cartão Clube Claro.
Alunos Academia Bodytech: apresentar última mensalidade paga do mês vigente ou anterior.

Informações:
(61) 3306-2030 / netlivebrasilia.com.br / @netlivebsb / Facebook

Advertisements

Happening Ten Years Time Ago dos Yardbirds e sua regravação

Posted in Bandas, Gravações, Mötley Crüe, Músicas, Regravações, Singles with tags , , , , , , , , , , , on July 23, 2011 by gabrielpalmaguitar

Happening Ten Years Time Ago foi o primeiro single, de 1966, dos Yardbirds a ter Jimmy Page nas guitarras, e uma das primeiras músicas em que Page tocou junto com outro grande guitarrista: Jeff Beck! John Paul Jones gravou o baixo da música e acabou entrando para o Led Zeppelin mais tarde. Em 1995 no CD Jeffology: A Guitar Chronicle, produzido por Billy Sherwood (John 5) e John Alderete, essa música foi regravada por John Corabi, nos vocais, Mick Mars, na sítara, Bruce Bouillet, na guitarra, John Alderete, no baixo, e Jay Schellen, na bateria.

Jimmy Page toca com Donovan

Posted in Ao vivo, Guitarristas, Shows with tags , , , , , , , , , on June 5, 2011 by gabrielpalmaguitar

O lendário guitarrista do Led Zeppelin, Jimmy Page, juntou-se ao cantor escocês de folk Donovan, seu arranjador John Cameron e a London Contemporary Orquestra na noite de ontem, sexta-feira 3 de junho, no Royal Albert Hall em Londres, para recriar o álbum clássico Sunshine Superman de 1965.

Na época, Jimmy tinha acabado de sair dos Yardbirds e foi contratado como hired gun para tocar durante três horas no Abbey Road Studios por 13 pounds. Para quem não sabe, Jimmy Page já era músico de estúdio antes de formar o Led Zeppelin em 1968.

Antes de Jimmy Page entrar no palco, luzes “sinistras” iluminaram o teto e a orquestra tocou uma nota grave forte. Embora a aparição de Jimmy Page fosse uma surpresa, a informação já tinha vazado para os fãs. “Anda logo”, gritou um. Jimmy Page entrou no palco e arrebentou com Sunshine Superman. Para a encore, Page voltou com Mellow Yellow.

Após o show, eles foram para a área VIP no bar do Gore Hotel. “Embora Jimmy seja reconhecido por sua guitarra power, ele é aficionado por folk”, declarou Donovan tomando um gole de champagne Beaumont des Crayères. Page, sentado em uma pilha de almofadas à direita de Donovan, concordou: “Muitas das minhas músicas foram escritas no violão. E muito do primeiro álbum do Led Zeppelin é acústico”.

Fonte:

Rolling Stone

Stairway To Heaven: um clássico da guitarra

Posted in Músicas with tags , , , , , , , on April 27, 2010 by gabrielpalmaguitar

Robert Plant e Jimmy Page com sua Gibson EDS-1275 de dois braços para não ter que parar entre as partes de seis e doze cordas de Stairway To Heaven

Quando Jimmy Page compôs Stairway To Heaven com Robert Plant em 1970 na fazenda Bron-Yr-Aur, no País de Gales, ele talvez não imaginasse o impacto que essa música do Led Zeppelin teria na história do rock. Todo sucesso associado a ela é pouco. Para citar alguns feitos, ela é a partitura musical mais vendida do gênero, uma das músicas que mais tocou nas rádios e uma das mais executadas por guitarristas, sendo quase que uma obrigação para esse instrumentista tê-la no repertório.

No filme Quanto mais idiota melhor (Wayne’s World) há inclusive uma brincadeira sobre a maneira exaustiva que ela já foi tocada. Quando Wayne começa a tocá-la com a Fender de seus sonhos em uma loja de música, o vendedor aponta para uma placa que diz: “No Stairway To Heaven”, ou seja, não toque Stairway To Heaven. E isso não é só nos filmes que acontece, há lojas que tem essa regra devido ao abuso que os guitarristas fazem dessa música.

Brincadeiras à parte, não foi desde o começo que ela deslanchou. Segundo o baixista do Led Zeppelin, John Paul Jones, durante a primeira apresentação pública em 1971 no Ulster Hall de Belfast, na Irlanda do Norte, a plateia estava esperando por uma música conhecida e não se impressionou com Stairway To Heaven. De acordo com Page, a primeira vez que a plateia aplaudiu de pé ao ouvir a música foi no Fórum de Los Angeles, nos Estados Unidos, antes do disco sair.

Música

Stairway To Heaven tem várias partes distintas, sendo a primeira uma introdução calma que desenvolve até a segunda, uma parte lenta mas elétrica, até chegar a um solo de guitarra longo, seguido de uma parte rápida que dá ênfase aos vocais de Robert Plant, terminando com And she’s buying a stairway to heaven cantado lento.

A primeira parte da música tem um dedilhado em uma guitarra de seis cordas com uma flauta doce. Esse dedilhado tem uma linha de baixo cromática descendente (Lá-Sol#-Sol-Fá#-Fá-Mi).

Entendendo a linha cromática descendente

O primeiro baixo, Lá, é a tônica do acorde de Lá menor.

O segundo baixo Sol sustenido, a terça maior do acorde de Mi maior com sexta menor.

O terceiro baixo, Sol, é a quinta justa do acorde de Dó maior.

O quarto baixo, Fá sustenido, é a terça maior do acorde de Ré maior.

O quinto baixo, Fá, é a tônica do acorde de Fá maior com sétima maior.

O sexto acorde é um Sol maior com baixo em Si, a terça maior do acorde de Sol maior.

O sétimo acorde é um Lá menor, encerrando a linha de baixo cromática com Mi.

Stairway To Heaven

Parte A 2x

Parte A

Parte B

Parte B

Parte A
There’s a lady who’s sure all that glitters is gold
And she’s buying the stairway to heaven.
When she gets there she knows, if the stores are all closed

With a word she can get what she came for.

Parte B
Ooh, ooh, and she’s buying the stairway to heaven.

There’s a sign on the wall but she wants to be sure
‘Cause you know sometimes words have two meanings.

Parte A

In a tree by the brook, there’s a songbird who sings,
Sometimes all of our thoughts are misgiven.

Instrumental

Parte C

Parte C

Ooh, it makes me wonder,
Ooh, it makes me wonder.

Parte D

Parte D

There’s a feeling I get when I look to the west,
And my spirit is crying for leaving.
In my thoughts I have seen rings of smoke through the trees,
And the voices of those who stand looking.

Parte C

Ooh, it makes me wonder,
Ooh, it really makes me wonder.

Parte D

And it’s whispered that soon if we all call the tune
Then the piper will lead us to reason.
And a new day will dawn for those who stand long
And the forests will echo with laughter.

Parte C

Ooh

Parte D
If there’s a bustle in your hedgerow, don’t be alarmed now,
It’s just a spring clean for the May queen.
Yes, there are two paths you can go by, but in the long run
There’s still time to change the road you’re on.

Parte C

And it makes me wonder.

Ooh

Parte D

Your head is humming and it won’t go, in case you don’t know,
The piper’s calling you to join him,
Dear lady, can you hear the wind blow, and did you know
Your stairway lies on the whispering wind.

Parte E

Parte E

Parte E (cont.)

Solo – Parte F

Parte F

And as we wind on down the road
Our shadows taller than our soul.
There walks a lady we all know
Who shines white light and wants to show
How everything still turns to gold.
And if you listen very hard
The tune will come to you at last.
When all are one and one is all
To be a rock and not to roll.

4X

And she’s buying the stairway to heaven.